Maurice RAVEL

Joseph-Maurice Ravel

Ciboure (País Basco francês), 7 de março de 1875 — Paris, 28 de dezembro de 1937

Catálogo M 1 - 85 ("Marnat", organizado por Marcel Marnat em 1986); MA 1 - 26 (arranjos e transcrições)

Um dos maiores compositores franceses de todos os tempos, cuja obra é original, sofisticada e instigante. Um gênio na arte da orquestração, reabilitou "Quadros de uma Exposição" de Mussorgsky, dentre outros arranjos. Muitas de suas peças exploram exotismo e sensualidade com maestria, e criações como "La Valse" são icônicas de seu tempo. Caiu no gosto popular graças ao inspirado — e, por vezes, desgastado — "Boléro".

© RAFAEL FONSECA

Catálogo M:
   
M 35 - Quarteto
M 57 - Suite "Dafne e Cloé" n. 2
M 72 - "La Valse"
M 76 - "Tzigane"
M 81 - "Bolero"


Obras em ordem cronológica:
     
(1903) Quarteto
(1912) Suite "Dafne e Cloé" n. 2
(1920) "La Valse"
(1924) "Tzigane"
(1928) "Bolero"